Notice: Trying to get property of non-object in /home/storage/8/e8/db/goldfinger/public_html/blog/wp-content/themes/goldfinger2019/single.php on line 73

Como identificar se meus óculos Ray-Ban são autênticos?

Por ser uma das marcas mais desejadas no mercado de moda e acessórios, os óculos Ray-Ban são alvo frequente do mercado negro da falsificação. Para garantir que a compra do seus óculos não seja um pesadelo, listamos algumas dicas que vão te ajudar a identificar a autenticidade de um modelo original para não cair numa […]

Publicado 11 de fevereiro de 2014

Ray-Ban

Por ser uma das marcas mais desejadas no mercado de moda e acessórios, os óculos Ray-Ban são alvo frequente do mercado negro da falsificação. Para garantir que a compra do seus óculos não seja um pesadelo, listamos algumas dicas que vão te ajudar a identificar a autenticidade de um modelo original para não cair numa cilada. Confira:

Lentes marcadas

As lentes Ray-Ban, além de sua tecnologia polarizada, possuem uma gravação que pode ser verificada para comprovar a autenticidade dos óculos. Os modelos originais possuem, em alguns modelos, na parte superior da lente direita, logo abaixo da armação, o nome da marca, Ray-Ban, gravado em branco de forma bem delicada.

A lente esquerda também possui um pequeno detalhe que pode garantir a procedência do seu Ray-Ban. Verifique se há gravada a marca d’água com as iniciais da marca, RB, feita com tecnologia laser.

Qualidade da imagem vista através das lentes

Ainda falando das lentes, é importante considerar a qualidade da imagem vista através delas como “tira-teima” dos óculos originais. Quando receber o produto, verifique se as lentes apresentam distorção na imagem.  Lembre-se que os óculos de tecnologia Ray-Ban contam com as mais avançadas técnicas de polarização, anti-reflexo, dentre outras. Além de deixar o uso dos óculos desconfortável, as lentes não originais podem ser altamente prejudiciais à visão. Esteja atento.

Hastes da armação

As hastes da armação de ambos os lados dos óculos Ray-Ban também vêm marcadas quando o produto é original. Observe que os dizeres “Made in Italy”  estarão gravados na haste direita, garantindo a marcação também da armação para identificar a originalidade do seus óculos.

Além disso, o número de série dos óculos deve estar gravado na haste esquerda. Desta forma, as hastes da armação são marcadas, cada lado com uma informação igualmente importante, garantindo a procedência do produto.

Plaquetas, ou “almofadas do nariz”

Como os óculos Ray-Ban possuem, além de beleza e sofisticação, uma atenção especial ao quesito conforto, as plaquetas, aquelas pequenas almofadas que amortecem o contato com o nariz, também possuem diferencial.

As almofadas dos Ray-Bans são frisadas, e não parafusadas, garantindo mais aderência ao rosto, sem marcar ou machucar a pele. Além disso, ainda podem ser uma fonte de verificação da autenticidade: as iniciais RB também estão gravadas na parte interna. Basta verificar em seus óculos.

Valor de mercado

Desde 1937 fazendo a cabeça dos apaixonados por óculos de sol, os modelos Ray-Ban concentram características como tradição, mas também inovação. Além disto, é a marca de óculos mais vista no mundo dos famosos, talvez por sua qualidade no material e variedade para todos os gostos. Desta forma, o valor agregado do produto diz respeito a toda a tecnologia e garantia de qualidade aplicadas na sua fabricação.

Não caia na tentação de preços muito abaixo da média do mercado. Óculos Ray-Ban são um investimento e, ao adquirir óculos originais, você garante maior durabilidade que, no fim das contas, é uma boa economia.

Caixa dos óculos

Além do óculos propriamente ditos, os Ray-Ban originais vêm em caixas adesivadas com design arrojado e informações de fabricação como número de série, código e modelo do óculos, detalhes do distribuidor, etc.

Vale observar também as flanelas que vêm junto aos seus óculos. Flanelas coloridas ou com a marca gravada não são originais Ray-Ban. Para que sejam de procedência garantida precisam ser pretas ou cinzas, com um pequeno detalhe vermelho escrito Ray-Ban.

Manual

Além da caixa, das flanelas e do próprio óculos, o manual de instruções pode ser uma boa ferramenta para verificação da originalidade do produto adquirido. Este manual contém informações sobre a Ray-Ban em diversos idiomas, informações do produto, dentre outras informações. Observe também um pequeno detalhe na contra-capa do manual, onde deve haver um quadrado branco com um asterisco e um número com uma letra, referindo-se ao código da tabela dos modelos Ray-ban, que diferencia os óculos a partir dos níveis de proteção, tipos de lente, etc.

Observe estes detalhes antes de adquirir seus óculos Ray-Ban. Vale verificar e priorizar lojas que garantam atendimento, que possuam políticas claras de segurança e garantia, além de produtos de boa procedência.

Você também é apaixonado por Ray-Ban? Conte para a gente o seu modelo preferido!

Share Button